O site da Mamães Que Se Cuidam por Raquel Braga utiliza cookies. Saiba mais sobre nossas Políticas de Cookies clicando aqui. Ao navegar você concorda com a sua utilização.
Saiba mais sobre os cookies em nossa Advertência Jurídica e Políticas de Privacidade

Tristeza na alma – O que é e como lidar com ela?

Tristeza na alma – O que é e como lidar com ela?

tristeza é um sentimento que faz parte do comportamento humano e geralmente acontece quando se sofre uma decepção ou perda. O mais comum é que ela vá diminuindo com o passar do tempo, conforme o indivíduo se acostuma com a mudança que aconteceu em sua vida. Entretanto, existem aqueles que experimentam uma sensação mais profunda, uma grande tristeza da alma que parece nunca ter fim. Caso esteja se sentindo assim, saiba que é possível superá-la e voltar a ver sentido em sua vida.

O Que é a Tristeza da Alma?

A tristeza é uma das seis emoções básicas dos seres humanos, as outras cinco são: alegria, medo, surpresa, nojo e raiva. São reações naturais que começam a ser sentidas na infância e nos acompanham por toda a vida. Como estão aprendendo a lidar com o que sentem, as crianças têm pouco domínio sobre essas emoções. Já na vida adulta, geralmente há um maior controle, não no que se refere ao sentir, mas sim em relação às reações que as emoções geram.

Como se pode imaginar, sentir-se triste é algo completamente natural e que, inclusive, nos ajuda a amadurecer e aprender com as dores que sentimos. Esse sentimento costuma aparecer em situações de perda, como o falecimento de um ente querido, o término de um relacionamento, ou mesmo o fim de um sonho ou de algo que se gostava muito, como um emprego, por exemplo. Basicamente, a tristeza surge quando algo que o indivíduo considera ruim acontece e, na maioria dos casos, ele não tem o poder de mudar.

A intensidade da tristeza depende de diversos fatores como, por exemplo, o que e como aquilo que era valioso para a pessoa foi perdido, qual a importância que ela dava para isso e, também, se as suas emoções estão em equilíbrio. Quando algo assim acontece, pessoas mais sensíveis e que já estavam sentindo algum tipo de desânimo tendem a sofrer de forma mais intensa e experimentar uma grande tristeza da alma, caracterizada por uma sensação de vazio e desânimo. É como se tudo perdesse o sentido e deixasse de ter importância.

Existem casos em que se trata realmente de um sentimento natural e que, com o tempo, irá passar. Em outros, pode ser um sinal de depressão, um transtorno que necessita de acompanhamento médico para que possa ser tratado e controlado de forma eficaz. É muito importante se atentar aos sinais, a fim de identificar o que exatamente está acontecendo contigo ou com alguém próximo, a fim de buscar as soluções adequadas. Todos merecem ser felizes e encontrar o equilíbrio de seus sentimentos e emoções.

Dicas Para Lidar de Forma Positiva Com a Tristeza da Alma

Por mais que a tristeza faça parte do crescimento, entregar-se a ela não é o mais indicado, já que isso pode fazer com que se estenda por mais tempo. Para evitar isso, confira as dicas que irei compartilhar a seguir e veja formas de lidar com esse sentimento de forma positiva, para que possa superá-lo e volte a sorrir.

1 – Aproveite o Momento de Introspecção Para Se Conhecer

Muitas pessoas tentam a todo o custo abafar ou fugir do que estão sentindo, principalmente quando se trata de tristeza. Saiba que, ao agir assim, estará abrindo mão de uma grande oportunidade de se conhecer melhor e evoluir, pois a tristeza também pode ser o seu lado positivo. Respeite a sua vontade inicial de se recolher e ficar em casa e aproveite para refletir.

Não é por acaso que essa é a primeira dica da lista. O autoconhecimento é a chave para encontrar soluções para uma série de questões que nos afligem. Então, ao invés de querer resolver o que está sentindo olhando para fora, comece a olhar para dentro, pois é lá que estarão as respostas que procura.

2 – Ouça a Sua Alma e Entenda a Sua Tristeza

Ouça o que a sua alma diz e respeite o que está sentindo. Nenhum sentimento é inútil e todos têm algum ensinamento a nos passar. Se você está triste é porque tem uma boa razão para isso, o que não significa que deve se afundar na tristeza, mas sim acolhê-la. Apenas conseguimos cuidar daquilo que aceitamos, por isso, ao entender essa emoção saberá o que fazer para resolver essa questão dentro de si. Além disso, evite comparar seus sentimentos com o de outras pessoas, pois cada indivíduo é único.

3 – Fale Sobre o Que Está Sentindo

Uma ótima maneira de começar a eliminar essa tristeza da sua alma é colocando-a para fora. Quando falamos a respeito do que sentimos, além de experimentarmos uma sensação de leveza, conseguimos enxergar a situação sob um aspecto mais racional, o que é fundamental para encontrar soluções e superar. Eleja um amigo ou mesmo uma especialista em quem confie e que possa te ouvir sem julgamentos e lhe ajudar neste momento. Poder contar com esse apoio irá te ajudar a se sentir mais forte e confiante.

4 – Faça Atividades Que Te Deem Prazer

Quando se está profundamente triste até certo ponto é normal não sentir vontade de fazer praticamente nada. Porém, conforme o tempo passa, é importante voltar a realizar atividades de que gosta para que se acostume novamente com a sua vida após a mudança que ocorreu. Você pode tanto voltar para atividades que já gostava; quanto se permitir conhecer novas. Isso não inclui apenas exercícios físicos, contudo, vale lembrar que eles podem ter um impacto bastante positivo em sua recuperação. Ressalto isso porque eles estimulam a produção da endorfina, um hormônio que promove uma sensação de bem-estar e relaxamento ainda mais essenciais neste momento.

5 – Faça Planos

Independente do que tenha acontecido que fez com que você ficasse triste, a sua vida continua. Olhe ao seu redor, veja o quanto tem motivos para continuar e ser grato, apenas o fato de estar vivo já é uma razão mais do que digna para isso. Cada dia te oferece uma oportunidade de aprender e recomeçar. Então, aproveite para fazer planos, traçar novas metas e buscar a sua felicidade. Pense em coisas que sempre quis fazer e, por diversos motivos, acabou deixando para trás. Agora é a hora de se apegar a isso para se motivar e seguir em frente.

A tristeza da alma pode levar uma pessoa a sentir-se desanimada, contudo, não é fim. Pelo contrário, até a dor pode trazer uma oportunidade de autoconhecimento, fortalecimento e recomeço. Por mais doloroso que esteja sendo, acredite, isso irá passar. Volte a sua atenção para si, esforce-se para enxergar algo de positivo ao seu redor e em você. Com isso, encontrará o caminho para seguir, superar seus pesares e voltar a ser feliz. Eu acredito na sua força. Acredite também!

ABRAÇO… Raquel Braga.

Direitos autorais: 241966711 – https://www.shutterstock.com/pt/g/lightpoet

faça o blog JRM.

Envie seu comentário

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE